Como entrar no Gmail de outra pessoa

Você precisa hackear uma conta do Gmail, mas não sabe se é possível? Busca um método que seja eficiente e seguro? Você chegou ao lugar certo! Neste post, mostraremos os métodos mais utilizados para violar a segurança desse provedor de e-mails, explicaremos quais desses métodos funcionam e quais não, além e, claro, apresentaremos a opção mais efetiva.

Uma das plataformas que tem sofrido o maior número de ataques nos, últimos anos, é o Gmail. Esses ataques se dão por conta da grande quantidade de informações valiosas que o provedor armazena, podendo valer uma fortuna. Por esse motivo, o Gmail trabalha constantemente para melhorar a segurança dos seus sistemas e servidores.

E é por isso que muitos dos métodos que funcionavam até há pouco tempo atrás não funcionam mais. Com as constantes atualizações de segurança feitas pelo Google, apenas os métodos mais atualizados conseguem burlar toda a barreira imposta pelo Gmail. Veja quais jeitos de invadir Gmail funcionam e quais são inefetivos em 2020.

É possível acessar Gmail de outra pessoa em 2020?

Essa é a primeira pergunta que todas as pessoas que necessitam hackear uma conta do Gmail fazem. Essa plataforma dispõe de um sistema de segurança muito resistente e difícil de violar. Porém, ficamos felizes de dizer que sim, é possível hackear o Gmail! Você verá no decorrer deste artigo como fazer isso.

COMO entrar no gmail com outra conta – 7 MÉTODOS QUE FUNCIONAM

Apresentaremos os 7 métodos mais usados para tentar violar ou hackear uma conta do Gmail. Explicaremos o funcionamento e a aplicação de cada um deles, assim como a sua efetividade e acessibilidade.

1. Hackear o Gmail usando o keylogger

O Keylogger é um programa projetado para registrar e armazenar todas as teclas pressionadas no teclado de um PC ou de um celular, conseguindo, assim, muitas informações do usuário, como credenciais de login e senhas.

O keylogger é uma das maneiras mais fáceis de descobrir a senha do Gmail de alguém, já que, só de instalá-lo no aparelho do usuário que deseja hackear, ele se ativará e começará a trabalhar de maneira silenciosa.

Por ser um dos métodos mais usados, decidimos fazer alguns testes com os keyloggers mais populares. Chegamos à conclusão de que o mais efetivo de todos é o oferecido pelo aplicativo espião mSpy.

A função keylogger do mSpy, ao ser ativada, permite não apenas registrar tudo o que o usuário desejado digitar no teclado do seu computador ou celular, como também faz o monitoramentos remoto das atividades feitas pelo usuário hackeado em seu dispositivo, através do painel de controle. Além disso, seu funcionamento é totalmente silencioso e imperceptível.

A principal vantagem do mSpy é que ele funciona há vários anos e se atualiza constantemente, conseguindo acompanhar as melhorias na segurança do Gmail e não tendo dificuldades de burlá-lo.

hackear gmail

2. Usando o gerenciador de senhas do navegador

Esse é um método muito usado, especialmente com as pessoas que não têm muito cuidado com o seu computador e com as suas informações. O método consiste em conseguir a senha do Gmail no gerenciador de senhas, a partir do buscador que a pessoa que você deseja hackear utiliza.

Basta entrar no PC do usuário que deseja hackear e ir ao gerenciador de senhas do mecanismo de buscas que ele usa (Google Chrome, Mozilla Firefox, Opera etc.). Feito isso, você deve copiar todas as senhas que o usuário registrou no navegador, para evitar precisar preenchê-las manualmente todas as vezes que for entrar na página.

Esse método é pouco efetivo, já que usuários poucas vezes deixam a sessão do seu navegador aberta, permitindo o acesso de outra pessoa ao seu gerenciador de senhas. Por esse motivo, a efetividade desse método é muito limitada.

3. Contratar um Hacker

Certamente esse é um dos métodos mais caros existentes nessa lista. No entanto, é muito efetivo se o hacker for um profissional e garanta o seu trabalho.

Para aplicar esse método, a única coisa que precisa é encontrar um hacker capacitado para esse tipo de trabalho, o que é realmente fácil, caso faça uma busca em algum fórum sobre esse tipo de assunto. No entanto, não recomendamos esse método, visto que é possível que o hacker desapareça com o seu dinheiro e fique com a sua informação, para outros propósitos.

Fazer o pishing consiste em criar uma página falsa, idêntica à do Gmail. Então, basta fazer com que o seu alvo clique nessa página e faça o login. Ou seja, além de ter todo o trabalho de programação envolvido, você precisaria armar uma armadilha convincente.

4. Use um pacote de programas Sniffers

Os Sniffers são programas de computador desenhados para analisar pacotes de informação enviados e recebidos através de uma rede específica. Normalmente, são utilizados para controlar o tráfego transmitido em determinada rede, de um ponto ao outro.

No entanto, esses programas também são utilizados por hackers e por pessoas que  buscam violar os sistemas de segurança de sessões ou de contas pessoais em diferentes plataformas, a exemplo do Gmail.

Para aplicar esse método, é necessário que o usuário que você deseja hackear esteja conectado a uma rede Wi-fi. A partir dela, é possível executar o programa sniffer, para que ele capture os dados enviados pelo PC ou dispositivo móvel da pessoa desejada. Em seguida, o programa codifica todos os dados capturados para decifrar a senha e usuário da conta do Gmail.

Para aplicar esse método é necessário ter um conhecimento avançado de redes e de informática. É importante ressaltar também que os programas de sniffers que realmente funcionam são muito caros, o que, caso você não tenha um orçamento bem alto, torna-se inviável. Assim, não recomendamos esse método.

5. Força bruta

A força bruta é um método hacker muito antigo, cuja efetividade, no passado, era muito alta. No entanto, nos dias de hoje, os níveis de segurança das plataformas foram reforçados e esse método passou a dar algum resultado apenas contra pessoas que não dão importância a suas senhas, utilizando, sempre,  frases fáceis de recordar ou que relacionam as suas senhas com algum dado importante, como uma data ou nome de um familiar.

Esse método consiste em testar todas as possíveis combinações possíveis entre um número específico de dígitos até encontrar a que você está procurando. Na prática, significa fazer tentativas com milhões de senhas.

Existem diferentes programas de força bruta disponíveis na internet, cuja efetividade é muito questionada. Ainda assim, contam com certa popularidade entre as pessoas que precisam hackear uma conta do Gmail.

fuerza bruta

Para utilizar esse programa, basta ativá-lo no seu computador, abrir a plataforma do Gmail, inserir o usuário e executá-lo. Ao todo, esse processo pode levar dias, semanas ou meses, dependendo da complexidade da senha escolhida pela pessoa que você deseja hackear.

Não recomendamos usar esse método, já que não é tão efetivo como costumava ser no passado. Outro aspecto relevante é que esses programas têm um custo relativamente alto para a sua baixa efetividade, o que pode significar uma perda de tempo e dinheiro.

6. Hackear Gmail usando aplicativos espiões

Usar um aplicativo espião é a melhor e mais efetiva maneira de hackear um email Gmail. Para que isso seja feito, basta instalar o aplicativo no dispositivo móvel da pessoa que você deseja hackear. Após isso ser feito, é possível obter não apenas o usuário e senha da pessoa, como também muito mais informações de grande importância.

Se você deseja hackear o Gmail de outra pessoa, provavelmente é porque quer saber informações da vida dela. Então, os aplicativos espiões de fornecerão essas informações de maneira muito mais completa e organizada e você com certeza descobrirá o que procura.

Como sabemos, esses aplicativos não são muito populares. Por conta disso, a seguir, responderemos as perguntas que as pessoas que buscam um método efetivo para hackear uma conta do Gmail nos fazem com mais frequência.

  • O que é um aplicativo espião?

É um programa projetado para monitorar ou vigiar todas as atividades e informações enviadas e recebidas através de um dispositivo específico. Os dados são registrados e armazenados pelo aplicativo que, em seguida, os disponibiliza através de uma interface que só é disponibilizada para quem instalou o aplicativo.

  • Esse método é efetivo para acessar Gmail de outra pessoa?

É o método mais efetivo dos apresentados nessa lista. Seus resultados são garantidos e certificados por centenas de usuários satisfeitos. Além disso, eles são completamente indetectáveis, o que garantirá que você não seja descoberto durante o hackeamento.

  • Como ele funciona?

Para utilizar um aplicativo espião, você deve ter acesso físico ao celular da pessoa que deseja espionar. A partir dessa situação, você deverá seguir os passos que o app fornece e realizar a instalação.

Uma vez instalado, o aplicativo já começará a realizar o monitoramento completo e te enviará os dados através da plataforma disponibilizada.

QUAL É O MELHOR APLICATIVO ESPIÃO?

Por conta da grande quantidade de aplicativos desse tipo, escolher um aplicativo pode ser uma tarefa entediante e complexa. Além disso, é necessário levar em conta que nem todos são confiáveis ou funcionam corretamente. Existem, inclusive, alguns que são falsos e apenas querem ficar com o seu dinheiro.

Por isso, escolhemos os 5 mais baixados e com o maior número de comentários positivos. Testamos um por um para avaliar seu funcionamento, usabilidade e efetividade, para podermos escolher o melhor aplicativo espião.

mspy gmail

Após realizar todos os testes necessários e avaliar o funcionamento de cada um desses 5 aplicativos, chegamos a conclusão de que o melhor aplicativo espião para hackear o Gmail é o mSpy. Além de ser o mais efetivo e de ter o melhor funcionamento para violar esta plataforma, também oferece outras opções muito interessantes que agregam ainda mais valor à sua utilidade.

ENTRE AS DIFERENTES OPÇÕES E CARACTERÍSTICAS QUE O MSPY OFERECE, ESTÃO AS SEGUINTES:

  • Monitoramento de e-mails recebidos e enviados, bem como a data e hora de cada e-mail;

Essa função permitirá visualizar todos os e-mails enviados e recebidos da conta do Gmail do usuário desejado.

  • Visualizar chamadas e mensagens de texto

Permite ter acesso a todas as chamadas recebidas e efetuadas do celular, assim como as mensagens de texto.

  • Localização e rastreamento via GPS

O mSpy oferece uma função de localização em tempo real do celular do usuário hackeado por meio do GPS. O melhor de tudo é que essa função independe do celular da pessoa estar conectado a alguma rede de internet.

  • Monitoramento de uso da internet

Possibilita monitorar todas as atividades feitas através da internet no dispositivo (buscas no Google, downloads, etc).

  • Acesso às informações do calendário e ao catálogo de endereços

Com esse aplicativo, é possível acessar esses dados de maneira remota e sem limitações.

  • Acesso aos aplicativos de mensagens instantâneas

Outra das grandes vantagens desse aplicativo é o de ter acesso a todos os aplicativos de mensagens instantâneas que estão instalados no dispositivo (Whatsapp, Telegram, Google HangOuts, Instagram, etc.).

  • Visualização de arquivos multimídia

Permite acessar todos os arquivos multimídia armazenados ou baixados no dispositivo móvel do usuário hackeado.

  • Função Keylogger

Também conta com um avançado keylogger para descobrir senhas digitadas através do dispositivo monitorado.

  • Controle remoto

Dispões de controle remoto para algumas ações, como bloquear o telefone (em caso de perda) ou, até mesmo, limitar o uso de aplicativos.

As anteriores são as principais opções que esse aplicativo espião oferece, o que o faz ser o ideal para ter acesso a uma conta de Gmail de outra pessoa, já que, além de conseguir as informações desejadas, ainda tem diversas outras possibilidades que fazem do mSpy um aplicativo muito versátil e útil.

7. Engenharia social (usuários trapaceiros)

Embora pareça difícil, esse método é muito efetivo, principalmente contra pessoas que não dão tanta importância para a segurança da sua conta ou que, até mesmo, têm pouco conhecimento sobre o assunto.

Consiste em aproveitar a opção que o Gmail oferece de verificar as contas, através de um número de telefone, pelo qual o Google envia uma mensagem de texto ao número registrado pelo usuário no momento da criação da conta. Essa mensagem é enviada em ocasiões em que o usuário precisa recuperar ou trocar a senha da sua conta.

A ideia é enviar uma mensagem falsa – se passando pelo Google – ao usuário que deseja hackear. Na mensagem, é necessário pedir o usuário e senha da conta, para “verificar os dados”. Muitas pessoas respondem a essas mensagens e suas contas são hackeadas com esse método.

COMO POSSO EVITAR QUE A MINHA CONTA DO GMAIL SEJA HACKEADA?

Após ler todas essas informações e ter a certeza de que existem muitos métodos efetivos para hackear uma conta do Gmail, é muito possível que queira evitar que a sua conta seja hackeada por uma outra pessoa.

Vale lembrar que, a partir do momento em que alguma pessoa mal intencionada tem acesso ao seu Gmail, ele poderá usar a plataforma para interferir em suas contas em diversos outros sites, como Facebook, Instagram etc, usando o seu e-mail para alterar as suas senhas e invadir toda a sua vida virtual.

Por isso, é extremamente importante tomar algumas precauções quando o assunto é o seu e-mail pessoal. Veja algumas de nossas dicas.

  • Utilizar senhas seguras

É o mais básico em termos de segurança de plataformas de uso pessoal. O ideal aqui é usar uma senha forte e difícil de decifrar. Se possível, tenha uma combinação de letras, números e caracteres especiais.

  • Não acessar links de origem desconhecida, ou spam.

Quando acessamos o nosso e-mail e recebemos algum conteúdo de origem desconhecida, ou aqueles que o Gmail automaticamente considera como spam, é melhor não acessá-los.

  • Manter o seu endereço de e-mail o mais privado possível

É muito importante não deixar o seu endereço de e-mail com visibilidade pública, já que muitos podem usá-lo para vendê-lo para listas de transmissão em massa.

  • Usar criptografia

Ativar a opção de criptografar os e-mails enviados e os recebidos é uma excelente maneira de manter a sua conta segura e prevení-la de ataques de sniffers.

  • Utilizar a autenticação de 2 fatores

Essa é uma das opções de segurança mais utilizadas nos últimos anos. Ela dificulta o acesso de pessoas externas, devido ao fato de exigir duas verificações, geralmente em dispositivos distintos.

Martin Ballard

9 Comments

  1. karol 2019-08-18
    • admin 2019-08-20
  2. Lucas 2020-02-21
    • Martin Ballard 2020-03-06
  3. dervys makc 2020-02-24
  4. dervys makc 2020-02-24
  5. Pay 2020-04-05
    • Martin Ballard 2020-05-29
  6. Diego 2020-04-14

Leave a Reply